História do Orgonite

Como Tudo Começou – A HISTÓRIA DO ORGONITE

O Orgonite, tal como o conhecemos hoje, foi feito pelo austríaco Karl Hanz Welz. No ano de 1991, ele melhorou o desenho do Acumulador Orgone de Wilhelm Reich ao criar um dispositivo feito de partículas de metal dentro de resina. Ao contrário do ORAC de Reich que acumulava tanto Orgone Positivo (POR) como Orgone Morto (DOR), o “gerador orgone” de Welz convertia DOR em POR. Foi nessa altura que ele deu-lhe o nome de Orgonite. Mas foi só em 2005 que Welz registaria o seu nome, quando tinham passado quase dez anos em que já era comum utilizar esse termo.

Foi no inicio do século XXI que Don e Carol Croft melhoraram a fórmula original do Orgonite, ao acrescentarem um cristal na mistura entre o metal e a resina. O cristal de quartzo, com o seu efeito piezoeléctrico, amplifica a energia e ajuda a transformar o Orgone Morto (DOR). Algumas pessoas acreditam que, o orgonite sem um cristal de quartzo, irá tornar-se temporalmente num acumulador de Orgone, que poderá ser prejudicial se for colocado num local com muita carga negativa. Os Croft foram também pioneiros no movimento de oferta de Orgonite, que, entretanto se espalhou pelo mundo inteiro.

Sobre a loja

Loja virtual OrgoniTy RAMíH. Escultura epóxi com metais, cristais e pedras semi preciosas. Escultura com função holística e esotérica. Técnica baseada nos fundamentos da energia Orgone. Orgoniteiros espalhados pelo mundo, acreditam que orgonity consegue captar íons e energias eletricamente carregados do ambiente, transmutá-los e devolver ao meio, o bom orgone e íons negativos, que fazem bem aos seres vivos.

Social
Pague com
  • Pix
  • Mercado Pago
  • Mercado Pago
Selos
  • ramihartwork@gmail.com
  • Site Seguro
  • Google Safe Browsing

Helenice Reis Antunes - CNPJ: 34.134.740/0001-32 © Todos os direitos reservados. 2022


Para continuar, informe seu e-mail

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência em nosso site. Para saber mais acesse nossa página de Política de Privacidade